Mercado de embalagens se reinventa para os próximos anos

 

Não é de hoje que as empresas investem no desenho e no material de suas embalagens para se diferenciarem em um mercado cada vez mais concorrido. Nos últimos anos, é notável a evolução e a diversificação do mercado de embalagens, que cada vez mais se torna um meio de apoiar e reforçar identidade da marca.

E a tendência é de mais novidades para o futuro próximo. Um dos primeiros aspectos a se destacar é o aumento na praticidade ao consumidor. O Relatório de Estilo de Vida dos Brasileiros de 2016, da consultoria Mintel, identificou que 28% dos consumidores tendem a cozinhar mais em casa do que comer fora. Com essa inclinação clara dos clientes, espera-se aumento na comercialização de produtos lácteos, molhos de cozinha e alimentos de conveniência, como refeições prontas e carne processada.

O crescimento do e-commerce

Um fator de grande relevância para o setor é crescimento do e-commerce, que permite às marcas explorarem as oportunidades de design e personalização, ao mesmo tempo em que identificam e enfrentam os desafios de eficiência. Cada vez mais consumidores fazem compras online e esperam ter uma experiência positiva em todo o processo. Além do design da embalagem, que deve servir para reforçar a marca e seus valores, a capacidade de resistência é essencial para que o produto chegue de maneira intacta até o consumidor.

Novos hábitos e sustentabilidade

Uma pesquisa nos Estados Unidos identificou que 50% dos norte-americanos se interessam em ler as informações nutricionais da embalagem de alimentos para aprender mais sobre a procedência do que estão consumindo. Ao mesmo tempo, o mesmo relatório da Mintel identificou que quando o preço e a qualidade dos produtos são iguais, há uma tendência cada vez maior de os consumidores se voltarem para atributos ecológicos ou de uso alternativo como fator decisivo de compra.

Isso já é realidade em muitos mercados e as marcas não podem ignorar esses dados ao desenvolverem suas estratégias de posicionamento e marketing. É esperado que as empresas assimilem os desafios da sociedade às suas estratégias de negócios, levando em conta, por exemplo, as mudanças climáticas.

As informações são do Gerente de Marketing para Alimentos e Embalagens de Especialidades para América Latina da Dow, Marcus Vinícius Carvalho, em texto da In Press Porter Novelli.